quarta-feira, 29 de março de 2017

Livres

Houve quem fosse a razão de meus versos. Os mais bonitos que eu podia escrever. Versos são voos rasantes sobre o mar, volteiam e continuam a voar. Versos buscam a imensidão, como pássaros fugindo do frio, versos são pássaros que buscam o verão. Pássaros são livres, como os versos também são. Houve quem quisesse meus versos presos, como quem os coloca em um livro. Poetas não são livros e versos devem ser livres, afinal, não pode haver gaiolas para um coração.
LIVRES
JPalmaJr

sexta-feira, 3 de março de 2017

entre aspas

"Palavras entre Aspas" · 
Coisas que dão sentido a vida:
Colo que acolhe.
Braço que envolve.
Palavra que conforta.
Silêncio que respeita.
Alegria que contagia.
Lágrima que corre.
0lhar que acaricia.
Desejo que sacia.
Amor que promove.
Que a vida seja intensa,
verdadeira, pura   

 enquanto durar."  
Cora Coralina

             A felicidade aparece para aqueles que choram.
Para aqueles que se machucam.
Para aqueles que buscam e tentam sempre.
lispector